Mais de 3 mil prefeitos pedem socorro financeiro em Brasília; Temer anuncia repasse de R$ 2 bi de AFM para os Municípios em dezembro | FURO31
Mais de 3 mil prefeitos pedem socorro financeiro em Brasília; Temer anuncia repasse de R$ 2 bi de AFM para os Municípios em dezembro
23/11/2017 às 01:55
Por FURO31, com informações da UPB e PMG

Prefeitos de todo Brasil foram cobrar ações do Governo Temer. A Bahia esteve representada por cerca de 400 prefeitos, segundo informações da UPB (Foto: UPB)

Aconteceu na manhã desta quarta-feira (22) a mobilização nacional de prefeitos brasileiros para pedir ajuda do governo federal. Segundo a União dos Município da Bahia (UPB), diante da crise financeira, as prefeituras estão sem poder pagar décimo terceiro salário, honrar a folha de pagamento, assumir compromisso com fornecedores nem, muito menos, fazer investimentos nos municípios. Trata-se de um colapso total. A Bahia é o estado com maior representatividade no movimento – com 401 representantes.

Prefeita de Guaratinga em Brasília (Foto: ASCOM-PMG)

Ao todo, mais de 3 mil prefeitos se concentraram em frente ao Congresso Nacional e realizaram um ato em protesto. A prefeita de Guaratinga, Christine Pinto, participou do protesto em  Brasília.

“Estamos em busca de apoio para que os deputados e senadores votem os quatro projetos que vão ajudar as prefeituras a sair do vermelho e a melhorar as condições de vida dos nossos munícipes. A mobilização é importante para a integração dos prefeitos brasileiros, para a união neste momento de dificuldades financeiras e também para a troca de experiências. É preciso fortalecer os municípios para que os problemas atuais possam ser superados”, afirmou a prefeita.

Presidente Michel Temer durante encontro com representantes da Confederação Nacional de Municípios (CNM) Ministros e Parlamentares. (Foto: Alan Santos/PR)

Durante a tarde, o presidente Michel Temer se reuniu representantes da Confederação Nacional de Municípios (CNM) e determinou que até dezembro seja repassado auxílio financeiro de R$ 2 bilhões aos Municípios brasileiros sob a forma do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Mais uma vez, a união, o engajamento e a mobilização dos gestores municipais mostraram que essa é a melhor forma de avançar nas pautas que trazem melhorias aos Entes locais.

Paulo Ziulkoski, Presidente da Confederação Nacional de Municípios com Michel Temer e Ministros (Foto: Alan Santos/PR)

O presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, comemorou a conquista. “De tanto bater e bater, a gente conseguiu e teve a compreensão do presidente Temer. Isso demonstra mais uma vez esse espírito de fortalecimento dos nossos Municípios. A gente sabe que foi uma gotinha d’água do que foi dado aos governadores, mas, no ano que vem, vamos continuar esse diálogo com o presidente”, afirmou.

A força dos prefeitos também conseguiu derrubar o veto do presidente Temer, referente ao Encontro de Contas (Veto 30/2017). O Encontro de Contas permitirá uma subtração entre débitos e créditos dos Municípios com a União, resultando no real valor da dívida e no exato montante das parcelas que devem ser descontadas do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) com o intuito de quitá-la.

Deixe seu comentário
Curta nossa Fan Page